Blog

InícioEstresseA ergonomia do ambiente corporativo

A ergonomia do ambiente corporativo

A ergonomia do ambiente corporativo não se trata só de “posturas.”

A ergonomia do ambiente corporativo não se trata somente do mobiliário mas também das pessoas, seus sentimentos e ações.

A roupa, o sapato, o cabelo, até o perfume vende a imagem que queremos passar. Mas eles não são os únicos. Assim como as experiências, o ambiente que nos cerca são capazes de nos modificar instantaneamente, passando a ser assim quem não somos.

Nem todos já aprendemos a nos blindar contra ambientes negativos. Assim como nem todos se permitem a serem contagiados por ambientes agradáveis e positivos.

Nos ambientes corporativos a ergonomia é lembrada como algo que cuida da postura física, mas pouco se fala da postura emocional, da postura entre as relações interpessoais.

No mês de setembro tem se falado muito sobre a depressão o suicídio. O incentivo a pessoa buscar por ajuda. Mas, e a nossa parcela de culpa por tornarmos os ambientes mais hostis e competitivos.

Por mais que eu ame o que faço, ou por mais que eu esteja bem comigo mesmo, o ambiente com o qual eu convivo tem poder sobre mim. E esse ambiente é feito por coisas e principalmente por pessoas.

A palavra Ergonomia deriva do grego Ergon (trabalho) e nomos (normas, regras, leis). A ergonomia se divide em ergonomia física, ergonomia cognitiva e ergonomia organizacional.

Para a ergonomia do ambiente corporativo se manter “saudável” devemos prestar atenção na nossa postura física, comportamental e mental. Somos um todo.

Sendo assim, esteja atento!

Cultive ações que tragam para o ambiente que você convive boas energias.

Palestrante Kelly Colombo

Palestras que inspiram e fazem refletir. Proporcione essa experiência a sua equipe.

Peça um orçamento sem compromisso. Entre em Contato

Postar um comentário

Compartilhar
× Como posso te ajudar?